7 de agosto de 2008

ALIMENTAÇÃO ADEQUADA PARA OS HOMENS.....



Uma dieta rica em ácido fólico (vitamina do complexo B)eleva a produção das células sexuais masculinas.......
A ingestão de nutrientes como ácido fólico, encontrado em alimentos como os brócolis e o espinafre, e de zinco, presente sobretudo nas ostras, eleva a produção das células sexuais masculinas. Essa é a conclusão de um dos mais completos estudos realizados sobre os impactos da alimentação na produção de espermatozóides, realizado pela Sociedade Americana de Medicina Reprodutiva. Ao final do processo, ficou constatado que o zinco, atuante também na síntese do DNA (responsável pela transmissão dos caracteres hereditários), facilita a absorção do ácido fólico pelo organismo.
Uma dieta rica em ácido fólico é fundamental para a multiplicação celular, o que acaba resultando no aumento na produção dos espermatozóides. É muito simples aumentar a ingestão de ácido fólico. Verduras de folhas verdes como o espinafre, por exemplo, podem conter até 100 microgramas deste nutriente por porção.
Outro estudo, feito pela Universidade da Califórnia, publicado recentemente pela revista Human Reproduction, sugeriu que uma dieta rica em ácido fólico pode proteger homens contra a produção de espermatozóides com anormalidades em seus cromossomos. Nesse estudo, foram analisadas amostras de espermatozóides de 97 homens saudáveis, não-fumantes, com idades entre 22 e 80 anos, e entrevistou-os para saber sobre sua ingestão de zinco, ácido fólico, vitaminas C e E e beta-caroteno.Depois de levar em conta fatores como idade, consumo de bebidas alcoólicas e histórico médico, os cientistas constataram que os homens com maior ingestão de ácido fólico tinham um nível 19% mais baixo de espermatozóides com número anormal de cromossomos em relação aos homens que ingeriram uma quantidade moderada do nutriente, e 20% menor em relação a homens com baixa ingestão de ácido fólico.
Mas é importante ressaltar que o aumento de ácido fólico na dieta não implica necessariamente em espermatozóides mais saudáveis. A dieta rica neste nutriente apenas nos permite estabelecer os níveis de ácido fólico que podem reduzir o risco de defeitos congênitos ligados aos pais, mas há outras questões também podem os espermatozóides, tudo depende dos hábitos que o homem tem no seu dia-a-dia.