Pular para o conteúdo principal

Três kiwis ao dia podem reduzir a pressão arterial, segundo estudo...


Lembra do velho ditado americano"one apple a day keeps the doctor away"? Pois é, agora são necessários três kiwis por dia para manter o médico longe. Indivíduos do sul da China podem se orgulhar de suas frutas nativas, como nova pesquisa que mostra que este fruto lindo e gostoso ajuda na redução da pressão arterial.

O Kiwi pode ser um fruto pequeno, mas tem um conteúdo nutricional gigante na sua polpa verde suculenta,  incluindo a luteína, um antioxidante poderoso que é apontado como um dos componentes ativos do fruto que reduz a pressão arterial.

Pesquisadores do Oslo University Hospital na Noruega apontam para a luteína como tendo benefícios, mas os cardiologistas foram rápidos em dizer que não há fórmula mágica, ou composto que vai cuidar da saúde do coração de uma pessoa, é mais uma questão de um estilo de vida saudável com uma boa dieta e exercício. Kiwis, porém, podem compor uma das cinco porções recomendadas ao dia de frutas e legumes que têm demonstrado melhorar a saúde a longo prazo.

O estudo, incluiu 50 homens e 68 mulheres com idade média de 55 anos que foram aleatoriamente designados para comer três kiwis ou uma maçã por dia durante oito semanas. Participantes tinham níveis de pressão arterial na faixa moderadamente elevados de 128/85 quando o estudo começou. A leitura da pressão arterial menor que 120/80 é considerado ideal. Eles não mudaram nada na dieta que não fosse a adição da fruta. Os pesquisadores mediram a pressão arterial através de 24 horas de monitorização ambulatorial, o que é mais preciso do que medi-los durante um único ponto no tempo.

Os pesquisadores concluíram que três kiwis por dia melhoraram a pressão arterial em 24 horas mais do que uma maçã por dia. É importante que o paciente saiba que isso não é uma resposta definitiva para o controle da pressão arterial alta ... não pare de tomar seus medicamentos para a pressão arterial sem falar com seu médico. 

Uma forma gostosa de incluir os kiwis na sua dieta é com sucos, confira uma receita aqui

Fonte: Traduzido de Medical News Today

Postagens mais visitadas deste blog

Protocolo de Limpeza Intestinal...

O Protocolo de Limpeza Intestinal, é um manejo nutricional para a Modulação Intestinal e seu objetivo é promover injúria bacteriana. Ou seja, morte das bactérias por falta de nutrientes. A falta de proteína durante os 3 dias iniciais gera injúria nas proteobactérias, que não conseguem se multiplicar, tratando a SIBO e disbiose. 
É uma estratégia para equilibrar a microbiota intestinal criada pelo professor Murilo Pereira que colocou um propósito em cada alimento e suplemento incluído, lindo demais! Aprendemos na formação em Modulação Intestinal. Ela promove uma limpeza de intestino delgado e grosso, ao contrário do uso de laxantes por exemplo que limpa apenas o intestino grosso.
O manejo nutricional dura 15 dias, sendo os 3 primeiros os mais importantes e com maior restrição. Nestes dias, além da alimentação, a suplementação para Modulação da microbiota vai variar de acordo com cada paciente, se ele tem Resistência á Insulina ou Síndrome do Ovário Policístico, Síndrome do Intestino I…

Sorbet de frutas congeladas....

Esse calor de matar pede um sorvete !
Que tal fazer em casa uma versão saudável pra matar a vontade? Claro que um sorvete cheio de açúcar tem seu lugar e hora! Kkk Mas é preciso também ter estratégias para ter este prazer com mais frequência, por que não? .
Tenha sempre frutas congeladas! Este aí fiz de banana  e morango  e nada mais! Congele a banana bem madura, assim vai estar mais adocicada! Bata no liquidificador ou processador até ficar homogêneo. Aproveite!

Segundo estudo, consumo de refrigerante aumenta o risco de mortalidade...

Um estudo de coorte conduzido com 450.000 pessoas de 10 países da Europa entre janeiro de 1992 e dezembro de 2000 acabou de ser publicado no JAMA e concluiu que o consumo de 2 copos de refrigerante 🥤 diariamente com açúcar ou adoçante artificial aumenta o risco de mortalidade por várias causas!
O estudo verificou que as principais causas de morte encontradas foram por problemas circulatórios e doenças do trato digestivo.