24 de outubro de 2012

Alimentos com maior teor de sódio são divulgados pela Anvisa...


É importante saber que não se deve ingerir sal demais... e nem de menos.
O problema é que população brasileira consome duas vezes mais sal do que o recomendado.
E grande parte desse sal vem por meio dos alimentos industrializados.
A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) fez um levantamento que mostra os "campeões" em alto teor de sódio.
Ao todo, foram analisados 496 produtos de 26 categorias de alimentos.
Mesmo o queijo ricota, muito consumido em dietas, apresentou altas variações de sódio entre as marcas avaliadas.
Mas o campeão foi o queijo parmesão ralado, que lidera o ranking com um teor médio de 1.981 miligramas de sódio por 100 gramas do produto.
Nas colocações seguintes, aparecem o macarrão instantâneo e a mortadela. O biscoito de polvilho tem quantidade média de 1.092 miligramas do ingrediente para cada 100 gramas - veja a lista dos campeões do sódio abaixo.
AlimentoMédiaMaior valorMenor valorDiferença
Queijo parmesão ralado1.9812.9761.1002,7
Macarrão instantâneo1.7982.1601.4351,5
Queijo parmesão1.4023.05222313,7
Mortadela1.3031.4801.0631,4
Mortadela de frango1.2321.5209431,6
Maionese1.0961.5046832,2
Biscoito de polvilho1.0921.3984273,3
Salgadinho de milho77913953953,5
Biscoito água e sal7411.2725722,2
Biscoito cream cracker7351.1304372,6
Hamburguer bovino7011.1201348,4
Batata frita ondulada6248324471,9
Pão de queijo congelado5827823672,1
Queijo muçarela5771.0683093,5
Queijo prato5719863263
Pão de queijo5588301057,9
Queijo minas padrão5466732902,3
Queijo minas frescal5051.81912614,4
Batata palha4727192502,9
Biscoito de amido de milho3694772402
Biscoito recheado2886501305
Ricota fresca1914324110,5
Farinha láctea106170208,5
Bebida láctea93115731,6
Queijo petit suisse4562381,6
Refrigerante de guaraná baixa caloria121772,4
Fonte: ANVISA
O brasileiro consome, em média, 11,75 gramas de sal (cloreto de sódio) e 4,7 gramas de sódio, quando o recomendado é 5 gramas e 2 gramas, respectivamente.
O sódio representa aproximadamente 40% da composição do sal.
"A Anvisa vai dizer que tudo que está além é muito e a indústria, que tudo que está abaixo do limite, é pouco. No meio, estão os consumidores, quem nos interessa", disse o diretor-presidente da Anvisa, Dirceu Barbano.
O governo e representantes da indústria e dos supermercados firmaram acordo, iniciado em 2011, pela diminuição progressiva do sódio nos alimentos.
A partir de 2013, produtos com menos sódio já deverão estar disponíveis no mercado.
Fonte: Diário da Saúde