Pular para o conteúdo principal

Taurina pode ajudar na prevenção da obesidade...



O aminoácido taurina pode induzir uma significativa perda de peso, além de trazer diversos benefícios no controle da glicemia.

A conclusão é de um estudo feito em animais de laboratório por pesquisadores da Universidade Estadual de Campinas (Unicamp).

Os dados, se puderem ser replicados em humanos, sugerem que o tratamento poderia proteger contra o desenvolvimento de complicações como o diabetes.

Taurina

"A taurina é um aminoácido que não é incorporado nas proteínas de nosso organismo e parece ter um papel importante na sinalização celular. Nossos dados mostram que ela regula a produção intracelular de peróxido de hidrogênio (H2O2) - ou água oxigenada - e isso se correlaciona com a melhor ação da insulina nos tecidos periféricos", disse professor Everardo Magalhães Carneiro.

O pesquisador explicou que a taurina é sintetizada naturalmente pelo organismo, principalmente nas células do fígado e do tecido adiposo. Também pode ser adquirida pela ingestão de alimentos como carne, peixe, mariscos e, em menor quantidade, vegetais, além de estar presente em suplementos alimentares para atletas e nas chamadas "bebidas energéticas".

"A taurina se concentra nas células alfa do pâncreas, exercendo um papel que ainda estamos tentando descobrir qual é exatamente," disse Everardo.

A célula alfa é a responsável pela secreção do hormônio glucagon - cuja função é mobilizar a energia estocada na forma de glicogênio no fígado durante períodos de jejum prolongado para prevenir a hipoglicemia, que pode ser fatal. Além disso, dados de outros estudos indicam que o glucagon produzido pela célula alfa também estimula a célula beta, sua vizinha, a secretar insulina.

Há três tipos principais de células nas ilhotas pancreáticas: a alfa, a beta e a delta. A célula alfa estimula a célula beta a produzir insulina e a célula beta inibe a secreção de glucagon pela célula alfa. Já a delta produz o hormônio somatostatina, capaz de inibir tanto a secreção de insulina quanto de glucagon, dependendo da necessidade.

"Parece que, de alguma forma, a taurina modula esse controle parácrino (no qual um hormônio produzido por uma célula controla a atividade da célula vizinha) da insulina, favorecendo maior ou menor secreção do hormônio dependendo do caso", explicou Everardo.

Benefícios da taurina

Durante o estudo, camundongos induzidos à obesidade receberam suplementação com 5% de taurina na água durante 60 dias. As análises mostraram uma redução do peso no grupo tratado, em torno de 16%.

A intolerância à glicose diminuiu 35%, a resistência à insulina, 30% e a produção hepática de glicose, 28% - ainda significativamente superiores aos camundongos não obesos.

"Outro teste interessante que fizemos com o animal obeso é o de tolerância ao glucagon, que consiste em administrar esse hormônio e observar o quanto ele consegue mobilizar de glicose no fígado. No obeso, a produção hepática de glicose é altíssima em relação ao controle - 94% maior. Já no obeso tratado com taurina esse valor cai para 39%", disse Everardo.

"Os dados preliminares mostram que a taurina modula a expressão de vários genes de forma a promover uma melhor adaptação dos animais com relação ao comportamento alimentar, que reflete em melhor controle glicêmico. Também parece proteger as células do hipotálamo contra o estresse de retículo endoplasmático, que é um fenômeno envolvido na morte de diversos tipos celulares, entre eles os neurônios", disse Everardo.

Fonte: Diário da Saúde

Postagens mais visitadas deste blog

Bolinhas de amêndoas e leite de coco em pó...

1 xícara de pasta de castanhas 🌰 ou pasta de amendoim 🥜
Leite de coco 🥥 em pó (comprei na @biomundogoiania )
Xilitol para adoçar (opcional)

MODO DE PREPARO 👩🏼‍🍳

Coloque a pasta de castanhas num recipiente e vá acrescentando o leite de coco 🥥 em pó até dar consistência para enrolar. Eu usei 2 colheres 🥄de servir, mas esta quantidade vai variar de acordo com a umidade da pasta que você utilizar. Eu não acrescentei o xilitol, mas se quiser mais doce, manda ver!
Faça as bolinhas e passe no coco ralado, nibs de cacau, leite de coco em pó, cacau etc. Sirva gelado! Maravilhoso ☺️😋

Mindfulness....

Nossa mente é cheia de distrações. Estamos trabalhando e do nada começamos a pensar na lista do supermercado, que amanhã vence o condomínio e não esquecemos de dar aquela conferida no celular para não perder nenhuma notificação.
Focar a atenção em apenas uma tarefa é um desafio e a meditação mindfulness pode ser a resposta para se manter presente. 
A meditação mindfulness (atenção plena) tem como objetivo aumentar a calma e o relaxamento, melhorar o equilíbrio psicológico, a saúde e o bem-estar geral.
A prática, através da atenção plena na respiração, no corpo e no momento imediato aumenta a percepção das experiências que ocorrem no presente. 
A prática da meditação, seja qual for a técnica, desenvolve a habilidade de nos adaptarmos ao estresse, chamada de resiliência. Ser resiliente não significa não experimentar dificuldades, mas desenvolver a sua própria capacidade para voltar ao estado de homeostase apesar das dificuldades.
Dê uma chance para a meditação! Crie consciência no prese…

Bolo de carne....

É bem simples de ser feito! 
Basta escolher a carne🥩 da sua preferência, eu usei patinho moído duas vezes. Temperei com alho e cebola triturados, sal e cheiro verde 

🌿Reserve a carne e coloque papel filme ou um plástico esticado e distribua fatias de bacon 🥓 e sobre ele coloque a carne formando um retângulo bem fino. Escolha o recheio de sua preferência! Eu optei por mussarela 🧀 cenoura 🥕 e ovos cozidos🥚

Vá enrolando a carne com o plástico dando formato e compactando. Leve para assar até dourar. 
Para acompanhar teve batata doce chips e batas assadas (cada um com sua escolha) e saladinha 🥗
Simples e delicioso!