Pular para o conteúdo principal

Algas despontam como fontes de proteínas alternativas à carne...



As algas estão se tornando as estrelas de uma alimentação mais saudável, como uma fonte alternativa de proteína, sobretudo para as pessoas preocupadas em diminuir o consumo de carne.

Algas de diversos tipos já podem ser encontradas como ingrediente de bolachas, salgadinhos, aperitivos, cereais e pães, de acordo com Beata Klamczynska, pesquisadora do Instituto de Tecnologistas de Alimentos (EUA).

O interesse da população aumentou sobretudo depois que estudos mostraram que as algas marinhas superam todos os tratamentos para emagrecer.

"Os consumidores estão prontos para alimentos com algas como ingrediente? Sim, eles estão prontos e animados com as algas," defende ela.

"Quanto mais eles aprendem, mais animados ficam. Basta um pouco de informação para eliminar quaisquer dúvidas. Existem milhares de variedades de algas à sua escolha para uma variedade de produtos," completou

Algas e quinoa

A pesquisadora cita as algas e a quinoa como as melhores fontes de proteína alternativas para diminuir o consumo de carne, reduzir o desperdício de alimentos e ajudar a alimentar a crescente população mundial.

As algas usadas como alimento contêm 63% de proteínas, 15% de fibras, 11% de lipídios, 4% de carboidratos, 4% de micronutrientes e 3% de umidade, de acordo com a pesquisadora, além de serem facilmente digeridas e trazerem benefícios para o coração.

Além da culinária oriental, as algas já podem ser encontradas nas listas de ingredientes de alguns shakes de proteína, bolachas, barras de cereais, molhos e pães.

Fonte: Diário da Saúde

Postagens mais visitadas deste blog

Protocolo de Limpeza Intestinal...

O Protocolo de Limpeza Intestinal, é um manejo nutricional para a Modulação Intestinal e seu objetivo é promover injúria bacteriana. Ou seja, morte das bactérias por falta de nutrientes. A falta de proteína durante os 3 dias iniciais gera injúria nas proteobactérias, que não conseguem se multiplicar, tratando a SIBO e disbiose. 
É uma estratégia para equilibrar a microbiota intestinal criada pelo professor Murilo Pereira que colocou um propósito em cada alimento e suplemento incluído, lindo demais! Aprendemos na formação em Modulação Intestinal. Ela promove uma limpeza de intestino delgado e grosso, ao contrário do uso de laxantes por exemplo que limpa apenas o intestino grosso.
O manejo nutricional dura 15 dias, sendo os 3 primeiros os mais importantes e com maior restrição. Nestes dias, além da alimentação, a suplementação para Modulação da microbiota vai variar de acordo com cada paciente, se ele tem Resistência á Insulina ou Síndrome do Ovário Policístico, Síndrome do Intestino I…

Sorbet de frutas congeladas....

Esse calor de matar pede um sorvete !
Que tal fazer em casa uma versão saudável pra matar a vontade? Claro que um sorvete cheio de açúcar tem seu lugar e hora! Kkk Mas é preciso também ter estratégias para ter este prazer com mais frequência, por que não? .
Tenha sempre frutas congeladas! Este aí fiz de banana  e morango  e nada mais! Congele a banana bem madura, assim vai estar mais adocicada! Bata no liquidificador ou processador até ficar homogêneo. Aproveite!

Segundo estudo, consumo de refrigerante aumenta o risco de mortalidade...

Um estudo de coorte conduzido com 450.000 pessoas de 10 países da Europa entre janeiro de 1992 e dezembro de 2000 acabou de ser publicado no JAMA e concluiu que o consumo de 2 copos de refrigerante 🥤 diariamente com açúcar ou adoçante artificial aumenta o risco de mortalidade por várias causas!
O estudo verificou que as principais causas de morte encontradas foram por problemas circulatórios e doenças do trato digestivo.