Pular para o conteúdo principal

O que escolher nas festas de final de ano...




Chegaram as festas de final de ano e com isso a preocupação de exagerar e o ponteiro da balança subir! Se durante este ano você esteve em reeducação alimentar, nada mais justo do que poder comer com moderação, não é mesmo? Sem neuras! Mas claro, é preciso ter um pouco de cuidado, pois nestas datas, a família se reúne e são dias regados a comilança e exageros sem fim! E você pode perder o fio da meada, cuidado!


A ceia tem uma grande variedade de alimentos e cabe a você escolher o que você pode, deve ou não deve comer. Então procure fazer as escolhas certas!


Oleaginosas: castanhas, nozes, avelã, amêndoas. Elas são ricas nutricionalmente, mas são calóricas, sim! Não exagere! Um punhado delas não vai te engordar. Elas são ricas em vitaminas e minerais, gorduras do bem e melhoram a pele e são boas para o cérebro.


Lichia: é uma fruta típica do final do ano e é rica em antioxidantes, tem um poder alto de saciedade e ótima para o intestino. Coma algumas!


Romã: é uma das frutas com o maior poder nutricional. Ela tem benefícios desde a pele até a modulação hormonal, menopausa, redução de colesterol, melhora de gripes e resfriados, é antiinflamatória e antioxidante.


Lentilha, grão de bico: são leguminosas que melhoram os sintomas da TPM, são ricas em fibras e podem auxiliar na redução da absorção de gorduras e açúcares. Não deixe de colocar no prato!


Abuse das outras frutas típicas como ameixa, pêssego, nectarina, cereja, kiwi e uvas. 


Peru, lombo e pernil assados: contém menos gordura e aumentam a saciedade. 


Se ingerir bebida alcoólica beba apenas 1 dose e intercale com água para se hidratar e o corpo conseguir eliminar mais rápido o álcool. Evite refrigerante e sucos industrializados. Prefira água com gás com limão espremido, por exemplo. 


Ofereça-se para levar uma salada completa, para garantir um maior aporte de fibras que vai equilibrar a carga glicêmica da refeição, além de enriquecer com vitaminas e minerais. 


A DICA é consumir os itens 1, 2, 3 e 5 antes de comer os pratos principais para ficar mais saciado. 


E lembre-se! O que te engorda são os exageros entre o ano novoe o Natal e não entre o Natale o ano novo

Postagens mais visitadas deste blog

Ainda dá tempo!

Bom dia, segunda! ☀️

Mais uma oportunidade de fazermos uma semana diferente!
Mais uma chance de recomeçar!
Quem não recomeça depois do tropeço, nunca chega lá!

Não desista! O ano ainda não acabou!
Dá sim pra gerar mudanças!
Dá sim pra terminar o ano bem melhor!
Confie em você! Comece agora!

Bora?! 🌿💚🍃

Última chamada!!!! Projeto verão 2019....

Vai chegando esta época do ano, começam as preocupações com as festas de final de ano, as férias, praia, verão! Pois é, para àqueles que não estão no seu projeto Verão 2019 desde o começo do ano, ainda é possível modificar muita coisa, seja nos hábitos alimentares, seja no seu corpo.

Conte com nossos Programas Exclusivos para chegar no verão com hábitos alimentares mais saudáveis e com mudanças expressivas em seu organismo.

Como todos os anos, iniciamos estas chamadas semanalmente para lembrar que no final do ano entramos em recesso dia 15/12 e retomamos nossas atividades na segunda semana de janeiro. Então não perca tempo e não faça da melhoria de hábitos alimentares, mais uma promessa de ano novo! Aproveite para agendar sua consulta e garanta seu Plano Alimentar para finalizar bem o ano e iniciar o ano novo com o pé direito!

Alimentos x Herpes

Um questionamento que faz parte da minha consulta é: “você tem herpes?” Muitas vezes isso gera estranheza! 🤔O que isso tem a ver com a alimentação? Muita coisa!! . . Por exemplo, a arginina, é um aminoácido que estimula a replicação do vírus e aumenta a frequência das crises. Alguns alimentos fonte de arginina: castanhas 🌰 aveia, granola, gérmen de trigo 🌾 amendoim 🥜 chocolate 🍫 coco 🥥milho 🌽 uva 🍇 trigo 🌾  MAS, a noz pecã e o pistache são nuts com uma menor quantidade de arginina. Então se você, assim como eu, possui o vírus e quer deixar ele quieto, mas adora a praticidade das castanhas, elas são as melhores opções! . Logicamente, se o consumo for pontual e sem excessos, você pode se dar bem com as castanhas e elas não serem gatilhos para crises! . . A lisina, que também é um aminoácido, ajuda a conter a replicação do vírus antes da lesão se manifestar na pele. A lisina é importante porque inibe a ação da arginina, evitando a replicação do vírus da herpes.  A lisina está p…