28 de outubro de 2015

Fosfato em alimentos industrializados prejudica os rins....



Fosfatos adicionados artificialmente aos produtos lácteos e aos cereais parecem causar picos nos níveis de fósforo no sangue maiores do que os causados pelos fosfatos que ocorrem naturalmente nos alimentos, colocando os rins sob estresse severo.

A descoberta vem dar suporte a um alerta recente de que o fosfato pode se tornar o "próximo sódio", em referência à quantidade excessiva de sal nos alimentos industrializados.

Fosfato demais na alimentação também enrijece os vasos sanguíneos, dilata o coração e é ruim para os ossos - mas parece que isto é válido sobretudo para os fosfatos adicionados artificialmente pela indústria alimentícia.

"O estudo sugere que as pessoas deveriam ser mais conscientes do que comem," disse a professora Linda Moore, do Hospital Metodista de Houston e principal autor do estudo.

"O Instituto de Medicina recomenda 700 miligramas de fosfato por dia e achamos que este é um bom número. O que vimos neste estudo é o consumo do dobro desse valor por um monte de gente. Fosfato demais é preocupante para pessoas saudáveis - mas é de especial preocupação para as pessoas que já possuem lesão renal ou doença renal crônica," alerta a pesquisadora.

Fósforo no organismo

O fósforo é um elemento químico crucial para a vida. Ele ajuda a formar a espinha dorsal do DNA e do RNA, está fortemente envolvido como carreador de energia dentro e entre as células, ajuda a traduzir os sinais hormonais em mudanças no comportamento celular, e pode até mesmo ser um amortecedor de alterações no pH.

O fósforo ocorre em muitas formas no corpo humano, mas o fosfato é a mais comum - fosfatos são formatos por um átomo de fósforo e quatro de oxigênio.

Os fosfatos são adicionados a muitos alimentos como sais, funcionando como conservantes, agentes de espessamento e aeradores, para deixar bolos e outros alimentos mais fofos.

O que se tem demonstrado agora é que, como quase tudo, fosfato demais pode fazer mal - e mais mal sobretudo para pessoas que já têm problemas nos rins.

Controlando para o desempenho das funções renais e para todos os outros tipos de alimentos consumidos, uma porção de produtos lácteos com aditivos de fosfato inorgânico aumenta os níveis séricos de fósforo em 0,07 miligrama por decilitro (mg/dL), e uma porção de cereais ou grãos (1/2 xícara) com fosfatos adicionados irá aumentar o fósforo sérico em 0,01 mg/dL.

O estudo foi publicado no American Journal of Clinical Nutrition.

Fonte: Diário da Saúde

26 de outubro de 2015

Healthy Monday.....

SEGUNDA SAUDÁVEL...

Mais uma semana iniciando e você já está se preparando para o verão? Não falta muito tempo, mas pode ser suficiente pra você atingir a sua meta! Não adianta 1 mês antes da praia, das férias achar que vai transformar o corpo de uma hora para outra. Isso não é saudável e não é duradouro.


Aproveite agora para iniciar um programa de emagrecimento ou ganho de massa muscular de forma saudável, transformando maus hábitos em bons hábitos. Não apenas excluindo, excluindo e se irritando com dietas mirabolantes que são imediatistas e num piscar de olhos te levam de volta ao seu peso inicial.


Lembre-se: Toda segunda-feira é uma nova chance para que um estilo de vida saudável se reinicie. Faça da segunda-feira o dia em que você renova seu compromisso de viver uma vida mais saudável !

23 de outubro de 2015

Bolo de Coco e Cacau....



Ingredientes

3 ovos
1 1/2 xícara de leite de coco
2 colheres de sopa de óleo coco
1 xícara de açúcar de coco ou demerara
1 1/2 xícara de coco ralado
1 xícara de mix de farinhas sem glúten 
1/2 xícara de farinha de arroz integral 
1 colher de sopa de fermento em pó
1/2 xícara de cacau em pó
Canela

Modo de Preparo:

Misture todos os ingredientes, exceto o cacau e a canela. Coloque metade da massa na fôrma e coloque uma camada de canela sobre esta massa. Misture o cacau ao restante da massa e coloque na fôrma. Finalize com coco ralado. Leve para assar em forno pré-aquecido a 200 graus por 45 minutos.

Gostou da receita? Então nos siga no Instagram @dracristianespricigo e veja em primeira mão! 

21 de outubro de 2015

Comer carne ou vegetais gera mesma sensação de saciedade....



Muitas pessoas que já conhecem os inconvenientes à saúde de comer carne defendem seu hábito com o argumento de que não se sentem saciados apenas com vegetais.

Mas esse argumento está sendo questionado por um estudo realizado por pesquisadores da Universidade de Minnesota (EUA), que compararam o efeito de saciedade produzido por comidas à base de grãos e à base de carne.

Para maior rigor, a equipe preparou o mesmo tipo de alimento, uma espécie de hambúrguer assado, que tinha a mesma aparência e tempero, embora alguns deles tenham sido feitos com a receita tradicional de carne, e outros apenas com grãos.

O bife de carne continha 26 gramas de proteínas e três gramas de fibras, enquanto o bife vegetal tinha 17 gramas de proteínas e 12 gramas de fibras - peso, calorias e gorduras totais eram idênticas nas duas versões.

O resultado é que os participantes não apresentaram nenhuma diferença no apetite ao longo das três horas seguintes à refeição. Além disso, todos consumiram a mesma quantidade média de calorias na próxima refeição em comparação com suas refeições normais.

Em resumo, dizem os pesquisadores, comer carne e ingerir mais proteínas não faz você se sentir mais saciado. E inúmeros nutricionistas concordam que a dieta ocidental inclui um excesso de proteínas.

Nutrientes e saciedade

As proteínas são consideradas o nutriente principal na indução da sensação de saciedade, com as fibras vindo próximas em segundo lugar.

Enquanto a ingestão de proteínas atua suprimindo hormônios ligados ao apetite, os efeitos benéficos das fibras sobre o apetite incluem o retardamento do processo de digestão e a manutenção dos níveis de açúcar no sangue de forma a aumentar a sensação de saciedade por mais tempo.

Os resultados deste comparativo dão sustentação à ideia de que as proteínas de origem vegetal, com alto teor de fibras, podem oferecer uma regulação do apetite similar à das proteínas animais.

O estudo foi publicado no Journal of Food Science.

Fonte: Diário da Saúde

19 de outubro de 2015

Healthy Monday....


SEGUNDA SAUDÁVEL...

O horário de verão começou, e isso além de trazer mais sol para sua vida, traz algumas mudanças no organismo. Normalmente os horários das refeições costumam ficar bagunçados.Procure refazer seus horários neste período.

Provavelmente ao meio dia você não estará com tanta fome, mas mesmo assim coma. Inicie uma nova adaptação do seu corpo ao horário das refeições. Nos primeiros dias é mais complicado, mas em uma semana já é possível iniciar uma adaptação aos novos horários. Aproveite para praticar exercícios no final do dia, aproveite o fim de tarde e curta com sua família,amigos.

Lembre-se: Toda segunda-feira é uma nova chance para que um estilo de vida saudável se reinicie. Faça da segunda-feira o dia em que você renova seu compromisso de viver uma vida mais saudável !

16 de outubro de 2015

Pão de Amêndoas.....



Ingredientes:

1 1/2 xícara de farinha de amêndoas
1/4 xícara de farinha de linhaça dourada
3/4 xícara de polvilho doce
1 colher de chá rasa de sal
1 colher de chá rasa de açúcar demerara ou de coco
1 colher de sopa de fermento biológico seco
4 ovos
3 colheres de sopa de leite de coco

Modo de preparo:

No liquidificador bata a quantidade necessária de amêndoas para dar a farinha (1 pouco mais de 1 xic rende 1 1/2 de farinha de amêndoas), faça o mesmo com a linhaça. Misture em um recipiente todos os secos. Bata no liquidificador os 4 ovos com o leite de coco. Despeje esta mistura sobre os secos com uma colher. Despeje na forma de pão untada e leve ai forno alto pré-aquecido por 5 minutos e depois abaixe para 180c por mais 30-40 min. Faça o teste do palito. Densidade nutritiva!!!

Gostou da receita? Então nos siga no Instagram @dracristianespricigo e veja em primeira mão! 



14 de outubro de 2015

12 de outubro de 2015

Healthy Monday....

SEGUNDA SAUDÁVEL...

Hoje comemoramos o dia das crianças, então que tal observar a alimentação das crianças que estão ao seu redor? Pode ser seu filho, sobrinho, neto, filho de sua melhor amiga, etc. Hoje em dia é alarmante a quantidade de crianças que atendo com sobrepeso, obesidade, colesterol e triglicérides elevados, diabetes, etc. Portanto, vamos observar o que nossas crianças estão comendo, por favor. Ofereça alimentos saudáveis, prepare lanches nutritivos para que elas levem para a escola e não apenas dê dinheiro para que elas comprem lanches gordurosos nas cantinas.

As crianças não tem autonomia para decidir a compra dos alimentos, isso é responsabilidade dos pais, portanto zelem por uma alimentação saudável, pois no futuro a responsabilidade por um adulto obeso, doente, também será sua. Faça sua parte, um chorinho agora, evitará muitas lágrimas de sofrimento no futuro. E por favor, não façam chantagens relacionadas a alimentação. Se tivermos uma alimentação 90% saudável, sobram 10% para uma guloseima que não fará mal.

Lembre-se: Toda segunda-feira é uma nova chance para que um estilo de vida saudável se reinicie. Faça da segunda-feira o dia em que você renova seu compromisso de viver uma vida mais saudável !!!!!

9 de outubro de 2015

Panqueca Saudável....



Ingredientes:

1 colher de sopa de farinha de grão-de-bico
1 colher de sopa de farinha de linhaça
1 colher de chá de coco ralado
1 ovo
2 colheres de sopa de leite de coco
1 colher de chá açúcar de coco. 

Modo de Preparo:

Mistura tudo e frigideira! Para decorar chips de coco e nibs de cacau.

Gostou da receita? Então nos siga no Instagram @dracristianespricigo e veja em primeira mão! 

7 de outubro de 2015

Gordura corporal envia mensagens para o cérebro...



Os efeitos da atuação do cérebro sobre outras partes do corpo são bastante óbvios.

Mas parece que esta é uma via de mão dupla.

Pesquisadores descobriram que a gordura corporal envia um sinal que afeta a maneira como o cérebro lida com o estresse e o metabolismo.

Embora a natureza exata desse sinal ainda dependa de mais estudos para ser desvendada, os pesquisadores afirmam que o simples fato de saber que essa rota existe poderá ajudar a quebrar um ciclo vicioso envolvendo estresse, alimentação e obesidade.

O estresse provoca o desejo de comer mais, o que pode levar à obesidade. E muita gordura extra pode prejudicar a capacidade do corpo de enviar um sinal para o cérebro para desligar a resposta ao estresse e eliminar o desejo de comer ainda mais.

Comunicação gordura-cérebro

Os resultados revelaram uma "rede de feedback" da gordura corporal para o cérebro: um receptor glicocorticoide no tecido adiposo afeta a maneira como o cérebro controla o estresse e o metabolismo.

Como a sinalização glicocorticoide é crucial para a regulação do eixo hipotálamo-hipófise-supra-renais, o tecido adiposo pode afetar diretamente as funções do sistema nervoso central que conectam obesidade, doença metabólica e problemas relacionados ao estresse.

Regulação do estresse

A descoberta é importante porque mostra que não é simplesmente o cérebro que comanda a forma como o corpo responde ao estresse, argumenta o professor James Herman, da Universidade de Cincinnati (EUA), cuja equipe publicou os resultados na revista Psychoneuroendocrinology.

"Ela mudou a nossa compreensão do controle do estresse, incluindo outras partes do corpo. Antes disso, todos pensavam que a regulação do estresse era coisa essencialmente do cérebro. Ela não ocorre apenas no cérebro. Este estudo sugere que a regulação do estresse ocorre em uma escala muito maior, incluindo os sistemas do corpo que controlam o metabolismo, como a gordura," disse Herman.

Agora a equipe pretende desvendar a natureza exata dessa rota de sinalização, de forma a interrompê-la para quebrar o ciclo vicioso estresse-comer mais-obesidade.

Fonte: Diário da Saúde

2 de outubro de 2015

Muffin de Amêndoas...



Ingredientes:

200g de farinha de amêndoas que faço triturando amêndoas em lascas
3 colheres de sopa de farinha de arroz integral
3 colheres de sopa de mix de farinhas sem glúten
1 xícara de açúcar demerara ou açúcar de coco
2 colheres de sopa de óleo de coco
4 ovos
1 xícara de leite de coco
1 colher de sopa de fermento em pó (misturar nas claras em neve)
Raspas de 2 limões 

Modo de Preparo:

Bata as claras em neve e reserve. Misture todos os ingredientes até ficar homogêneo. Acrescente o fermento em pó ás claras e misture delicadamente tudo. Coloque nas forminhas e Leve para assar em forno pré-aquecido a 180 graus por 30 minutos. Densidade nutritiva!!! 

Gostou da receita? Então nos siga no Instagram @dracristianespricigo e veja em primeira mão!