Pular para o conteúdo principal

Dicas para tomar café sem adoçar....


Havia prometido este post há alguns dias no Instagram e a intenção dele é contar a minha experiência e as dicas que funcionaram pra mim e funcionam para meus pacientes. Não é nada mirabolante, mas são dicas simples que podem te ajudar a abandonar o açúcar ou o adoçante do seu cafezinho

Quando decidi não usar mais adoçante no meu café, dei uma pesquisada, mas foi assistindo a um programa na televisão em que uma barista falava justamente que não deveríamos adoçar o café e que um café de boa qualidade não tinha um sabor amargo, que os cafés que tem este residual eram cafés que passaram do ponto na sua torra, por isso amargam, e são de baixa qualidade. Ou seja, aquele café mais barato do supermercado, porque os bons vão para exportação ou são aqueles que não compramos por ter um custo mais elevado. Bom, depois desta dica eu que já queria comprar uma cafeteira acabei adquirindo uma, já que a maioria das cápsulas são de café 100% arábica ou misturas de cafés de boa qualidade.

O segundo passo foi diminuir a quantidade de adoçante que usava e adaptar o paladar. Depois tirei o adoçante totalmente, claro que na primeira tentativa foi bem difícil, pois meu cérebro e meu paladar estavam acostumados a associar o café com o sabor doce, então não foi nada fácil. A minha segunda tentativa foi aromatizar o café  e aqui vai uma dica que é colocar canela, extrato de baunilha ou de amêndoas, cardamomo, que vão agregar aroma e sabor ao café tornando a experiência mais agradável. Cápsulas de café e cafés em pó com aroma de baunilha, cacau, caramelo, também ajudam porque nosso cérebro associa estes aromas a preparações doces. 

E depois desta transição vem a próxima etapa que é tomar o café  puro e deixar as papilas gustativas sentirem o gosto do café e o aceitarem de forma natural. É um processo que pode durar uma semana ou um mês, mas tenha certeza que você consegue se tentar dia após dia! Inicialmente parece algo inimaginável, tomar um café puro, mas você precisa se adaptar ao novo paladar, cada um tem seu tempo, então, não estabeleça um limite, deixe fluir que você consegue! No meu caso, demorei uns 10 dias, mas deu certo e já tomo o café  puro há 2 anos 🌿💚🍃

Postagens mais visitadas deste blog

Bolinhas de amêndoas e leite de coco em pó...

1 xícara de pasta de castanhas 🌰 ou pasta de amendoim 🥜
Leite de coco 🥥 em pó (comprei na @biomundogoiania )
Xilitol para adoçar (opcional)

MODO DE PREPARO 👩🏼‍🍳

Coloque a pasta de castanhas num recipiente e vá acrescentando o leite de coco 🥥 em pó até dar consistência para enrolar. Eu usei 2 colheres 🥄de servir, mas esta quantidade vai variar de acordo com a umidade da pasta que você utilizar. Eu não acrescentei o xilitol, mas se quiser mais doce, manda ver!
Faça as bolinhas e passe no coco ralado, nibs de cacau, leite de coco em pó, cacau etc. Sirva gelado! Maravilhoso ☺️😋

Sorbet de frutas congeladas....

Esse calor de matar pede um sorvete !
Que tal fazer em casa uma versão saudável pra matar a vontade? Claro que um sorvete cheio de açúcar tem seu lugar e hora! Kkk Mas é preciso também ter estratégias para ter este prazer com mais frequência, por que não? .
Tenha sempre frutas congeladas! Este aí fiz de banana  e morango  e nada mais! Congele a banana bem madura, assim vai estar mais adocicada! Bata no liquidificador ou processador até ficar homogêneo. Aproveite!

Mindfulness....

Nossa mente é cheia de distrações. Estamos trabalhando e do nada começamos a pensar na lista do supermercado, que amanhã vence o condomínio e não esquecemos de dar aquela conferida no celular para não perder nenhuma notificação.
Focar a atenção em apenas uma tarefa é um desafio e a meditação mindfulness pode ser a resposta para se manter presente. 
A meditação mindfulness (atenção plena) tem como objetivo aumentar a calma e o relaxamento, melhorar o equilíbrio psicológico, a saúde e o bem-estar geral.
A prática, através da atenção plena na respiração, no corpo e no momento imediato aumenta a percepção das experiências que ocorrem no presente. 
A prática da meditação, seja qual for a técnica, desenvolve a habilidade de nos adaptarmos ao estresse, chamada de resiliência. Ser resiliente não significa não experimentar dificuldades, mas desenvolver a sua própria capacidade para voltar ao estado de homeostase apesar das dificuldades.
Dê uma chance para a meditação! Crie consciência no prese…