Pular para o conteúdo principal

Truques para não sair da linha nas férias...


Relaxe e desfrute dos dias de folga, mas não descuide da dieta, sob o risco de voltar à rotina acima do peso. Veja como cortar calorias - da caipirinha ao sorvete.

Na praia:

- prefira comer um espetinho de carne magra sem acompanhamentos
- melhor saborear uma espiga de milho sem manteiga 
- fuja das frituras
- leve frutas e sanduíches magros
- prefira picolé de frutas, mas não exagere!

Na hora do lanche

Em vez de comer apenas uma maçã, acrescente uma castanha do Pará na hora do lanche. A digestão (lenta) da gordura da castanha vai fazer com que a frutose da maçã também seja absorvida mais devagar. Resultado: um período maior de saciedade.


Dolce far niente

Após o banho de mar ou piscina, no final da tarde, pode bater a vontade de comer um doce.Vá de picolé de frutas.

Evite os molhos

Nas férias, muita gente pensa, Ah, estou de férias. Mas se você economizar nos adicionais dos pratos com certeza sairá ganhando. Quando for comer salada, lembre-se sempre de pedir que o molho seja servido à parte e de preferência não consuma. Prefira limão e um fio de azeite.

Nada instantâneo

É prático e acaba sendo uma tentação para quem está de férias. Mas vale a pena saber que os alimentos semi-preparados são mais calóricos. Para cozinhar em três minutos em vez dos 10 que seriam necessários, a indústria alimentícia usa um processo de fabricação que altera a arquitetura dos carboidratos. É como se esse alimento já tivesse passado pela primeira parte do processo de digestão. Essa economia de tempo se transforma em acúmulo de gordura, pois a absorção desses alimentos sempre é bem mais rápida.

Isso não se aplica às massas de grão duro, que também ficam prontas em minutos, mas devem ser consumidas “al dente” —dessa forma, caberá ao organismo realizar todas as etapas da digestão, diminuindo o ritmo da absorção.Vale a pena lembrar: massa empapuçada = absorção rápida = calorias extras.

Aposte nos alimentos crus

Quanto maior o tempo de cozimento, maior a digestão prévia do alimento e, conseqüentemente, menos “trabalho” para o organismo. Entre a cenoura crua ou cozida, fique com a primeira opção: a insulina vai ser liberada lentamente, dificultando o processo de armazenamento de gorduras. Além disso, a própria mastigação contribui na queima calórica. Escolha sempre o caminho mais ‘difícil’. Prefira comer a fruta em vez de beber o suco.

Exagerou? Claras!

A clara de ovo é a fonte mais pura de proteínas. Depois de algum excesso, compense na refeição seguinte comendo uma omelete com quatro claras e apenas uma gema. Se desejar, acrescente espinafre para incrementar o sabor. Além de saciar, o ovo contém albumina, substância que age como um ‘chupador’ de líquidos. 

Não saia de casa sem...

Está certo que você está de férias, mas não custa levar alguns alimentos para aquele momento de fome fora de hora. Assim você não cai na tentação de comer um pastel ou algo pior. Portanto, não saia de casa sem:

- Garrafinhas de água
- Frutas picadinhas ou desidratadas
- Castanhas
- Barrinhas de sementes ou de cereais

Postagens mais visitadas deste blog

Protocolo de Limpeza Intestinal...

O Protocolo de Limpeza Intestinal, é um manejo nutricional para a Modulação Intestinal e seu objetivo é promover injúria bacteriana. Ou seja, morte das bactérias por falta de nutrientes. A falta de proteína durante os 3 dias iniciais gera injúria nas proteobactérias, que não conseguem se multiplicar, tratando a SIBO e disbiose.  É uma estratégia para equilibrar a microbiota intestinal criada pelo professor Murilo Pereira que colocou um propósito em cada alimento e suplemento incluído, lindo demais! Aprendemos na formação em Modulação Intestinal. Ela promove uma limpeza de intestino delgado e grosso, ao contrário do uso de laxantes por exemplo que limpa apenas o intestino grosso. O manejo nutricional dura 15 dias, sendo os 3 primeiros os mais importantes e com maior restrição. Nestes dias, além da alimentação, a suplementação para Modulação da microbiota vai variar de acordo com cada paciente, se ele tem Resistência á Insulina ou Síndrome do Ovário Policístico, Síndrome

Bom dia!

É gente, o tempo não está correndo, está voando...O FINAL DO ANO ESTÁ CHEGANDO!! Faltam 10 segundas-feiras para darmos bom dia para 2020 e mais que isso, nós vamos virar a década!! Está na hora de começar a fazer planos, revisões, reflexões, mudanças programadas pro próximo ano e por aí vai. Por que você não começa HOJE a se planejar e se preparar? E a fazer mudanças que podem acontecer ainda em 2019? Instalar pequenos hábitos saudáveis na sua rotina ou até mesmo fazer alguma mudança mais importante que estava programada desde o ano passado e ainda não saiu do papel? Então, vamos lá! Aproveite o início da semana para fazer recomeços ou novos começos!

Dia mundial do Diabetes...

O Diabetes é a mais comum das doenças não transmissíveis com elevada prevalência e incidência crescente. Atinge já cerca de 415 milhões de pessoas em todo o mundo. No Brasil, estima-se que em 2040 haja um aumento para 642 milhões de pessoas atingidas pela doença. O número de brasileiros diagnosticados com Diabetes cresceu 61.8% nos últimos 10 anos e atinge atualmente quase 13 milhões de brasileiros. Para conscientizar e lembrar sobre a importância da prevenção da doença, a Organização Mundial da Saúde criou o Dia Mundial da Diabetes, desde 1991. A data, 14 de novembro, foi escolhida por ser o aniversário de Frederick Banting, o médico que juntamente com o seu colega, Charles Best, conduziu as experiências que levaram à descoberta da Insulina em 1921. Hábitos saudáveis de vida e alimentação equilibrada são essenciais no tratamento e prevenção do Diabetes.  A Nutrição promove um controle não apenas glicêmico, mas restabelece o equilíbrio fisiológico, promovendo uma mel