7 de junho de 2013

Sensação de inchaço? Veja 9 dicas para aliviar este quadro...


A sensação de pressão no abdômen é algo que a maioria das pessoas já vivenciou – e, muitas vezes, ela vem acompanhada do inchaço na barriga. Em parte este inchaço é causado por motivos aparentes; como bebida em excesso ou o ato de comer muito rápido. Mas existem hábitos do dia a dia, assim como determinados tipos de alimentos, que também exercem impacto neste quadro. As informações são do site do jornal Huffington Post.
Frequentemente, o inchaço é resultado do aumento do consumo de sal, vindo de alimentos carregados de sódio que levam o corpo a reter líquido, explica Kristi King, da Academy of Nutrition and Dietics.
Outro motivo que gera esta sensação são os gases, causados por alimentos que não foram digeridos apropriadamente. As bactérias que vivem no intestino reforçam os açúcares presentes nesses alimentos, quebrando-os e produzindo o gás. “O intestino é o segundo cérebro do corpo; ele irá reagir a qualquer tipo de estresse e ansiedade que o corpo experimentar”, disse a especialista.
Para vencer o inchaço, Kristi sugere algumas dicas bem simples, que envolve a mudança de algumas práticas no dia a dia e também a diminuição de certos tipos de alimentos. Confira.
Cigarro
Para começar, pare de fumar. O inchaço pode ocorrer quando você suga ar em excesso, quando o fumo é inalado.

Mastigue com calma
Coma mais devagar: quando uma pessoa come muito rápido, acaba pegando mais ar a cada mordida, fazendo com que ele fique preso no estômago e depois tente sair de alguma forma.​

Canudinho
O mesmo se aplica ao hábito de beber no canudinho, prática que acaba contribuindo para que o ar fique preso no estômago.

Probióticos
Abuse dos probióticos para manter o equilíbrio das boas bactérias intestinais, que também podem ajudar a aliviar o desconforto abdominal.

Faça atividades físicas
“Os exercícios físicos ajudam a aumentar o fluxo sanguíneo para várias partes do corpo, incluindo o intestino, então exercitar-se de 30 a 60 minutos por dia pode ajudar a reduzir o inchaço também”, afirma Kristi.

Evite os vegetais crucíferos
Itens como brócolis, couve de Bruxelas e repolho contêm enxofre e um carboidrato chamado rafinose, que são difíceis do corpo processar. No entanto, cozinhá-los ajuda a quebrar estes componentes e, com isso, a sensação de inchaço será menor.

Derivados do leite
Os derivados do leite não causam inchaço para todo mundo, mas muitas pessoas têm algum tipo de intolerância à lactose, quando o corpo não tem a enzima necessária para quebrar o açúcar da lactose. “Porque eles não têm a enzima, eles podem causar o aumento de gazes”, explica a especialista. O mesmo efeito acontece com as pessos que têm intolerância ao gluten.

Comidas gordurosas
A gordura é a última coisa a deixa o estômago, por isso, uma dieta gordurosa pode contribuir para o inchaço. “Qualquer tipo de gordura demora mais para ser digerida do que os carboidratos e proteínas”, afirma Kristi.

Fast food
Fast food geralmente é rica em gordura e açúcar, um golpe duplo que contribui para o inchaço. A especialista explica que o açúcar sai do estômago muito rapidamente e é uma das primeiras coisas que vai para o intestino, o que pode trazer cólicas e a sensação de inchaço. 

Fonte: Terra