8 de setembro de 2012

Extrato de chá verde destrói diretamente tumores na pele...


Uma equipe de pesquisadores da Escócia usou um composto químico extraído do chá verde para tratar com sucesso dois tipos de câncer de pele.
Os pesquisadores, das universidades de Glasgow e Strathclyde, desenvolveram uma técnica para a aplicação do extrato, conhecido como epigalocatequina galato (EGCG), diretamente nos tumores.
Apesar de o chá verde estar associado com o combate ao câncer há muito tempo, aplicar compostos extraídos do chá diretamente no tumor, através da administração intravenosa convencional, não é muito eficaz, uma vez que uma quantidade pequena demais do extrato atinge o alvo.
Agora, a equipe conseguiu tornar o extrato eficaz por meio de um sistema de entrega direcionada, usando os chamados nanocarreadores.
A técnica funciona através da fusão do extrato de chá verde com proteínas que transportam moléculas de ferro, as quais são por sua vez absorvidas pelo tumor.
Em um estudo de laboratório em dois tipos diferentes de câncer de pele, dois terços dos tumores diminuíram ou desapareceram dentro de um mês.
Além disso, não foram detectados efeitos colaterais para os tecidos normais associados com o tratamento.
Um total de 40% dos dois tipos de tumores desapareceram, enquanto 30% de um e 20% de um outro tipo encolheram. Outros 10% de um dos tipos se estabilizaram.
"Estes resultados são muito encorajadores. Quando usamos o nosso método, o extrato de chá verde reduziu o tamanho de vários dos tumores dia a dia, em alguns casos, removendo-os por completo. Esta pesquisa pode abrir portas para novos tratamentos para aquela que ainda é uma das doenças que mais mata em muitos países," disse a Dra Christine Dufès, coordenadora do estudo.
Fonte: Diário da Saúde