Pular para o conteúdo principal

Umidade Baixa, Hidratação em Alta!...



Dias ensolarados e quentes são um atrativo para ir ao parque brincar com os filhos, fazer caminhadas, ir ao clube, ou seja todas atividades ao ar livre e o ar não anda muito saudável para nossa saúde ultimamente. A falta de chuvas tem deixado a umidade relativa do ar muito baixa, ontem aqui em Goiânia estávamos com 8% , ou seja, clima de deserto.  E este clima vem se repetindo em vários estados do país. Está demorando para a moça do tempo trazer boas notícias, mas enquanto isso vamos fazendo o que é possível para melhorar a umidade em nosso ambiente.

A desidratação é muito comum nesta época de seca e quem sofre mais com este clima são os idosos e as crianças, por isso se você convive com algum deles lembre-se de oferecer líquidos com freqüência, deixar garrafinhas próximas e lembrá-los de beber água a todo instante.

Para os adultos, principalmente aqueles que trabalham em ambientes fechados e com ar condicionado garrafinha ou copo d’água do lado, e é para esvaziar, ok? Nada de ter ele como compania cheio ao seu lado o dia inteiro.

Recomenda-se a ingestão de 1ml de água para cada caloria ingerida ao dia ou de 25-30ml por quilo de peso.  Pense que a constituição do seu corpo em sua maioria é água, então se não tiver aporte adequado ele não vai funcionar perfeitamente.  E não falo apenas de funções internas, dos órgãos vitais, pense na sua pele, de nada adiantar hidratar com cremes se não tomar muita água, tome muita água para ter uma pele saudável, afinal você não quer ser uma uva passa, não é?

As fontes de líquidos podem ser diversas, o ideal é tomar muita água, mas você pode intercalar com sucos, água de côco, chás gelados, evite os diuréticos (ex:chá verde) em dias muito quentes, pois estimulam muito a diurese, podendo desidratar. Evite tomar repositores  em excesso a não ser que esteja fazendo exercícios físicos com alta intensidade e desgaste que realmente necessitem de reposição de eletrólitos. Mas esta recomendação deve ser profissional!

Você é daqueles que não é muito fã de tomar água? Procure torná-la aromática, adicione folhinhas de hortelã ou cascas de laranja, limão, erva cidreira ou pingue gotinhas de limão, use sua imaginação, mas nada  de açúcar! Garanto que vai ficar mais agradável tomar água.

Fique atento a sintomas como tonturas, náuseas, dores de cabeça, pois são sinais de desidratação. Faça da garrafinha de água sua companheira inseparável nesses dias e sempre!

Nesta época é também comum nosso hábito intestinal bagunçar um pouco, a tendência é que ele fique um pouco mais preso, pois a necessidade de água aumenta e acaba sobrando pouca para hidratação das fezes, então além de consumir mais fibras, aumente a quantidade de líquidos para dar uma forcinha a seu intestino.

Em relação à alimentação procure incluir muitas frutas do café-da-manhã ao jantar, as mais variadas. No almoço e no jantar faça refeições leves, abuse das saladas, carnes magras e grelhadas, nada de pratos gordurosos cheios de molhos cremosos e “pesados” nos dias quentes porque além de terem uma digestão mais lenta irão dar aquela sensação de moleza e já basta o calor. Entre as refeições prefira frutas que contém mais água como melão e melancia ou faça sucos com um toque de hortelã que garante uma maior refrescância.

Mais uma vez friso a importância de ter um cuidado maior com crianças e idosos, além de serem mais vulneráveis são mais dependentes também, portanto, dê atenção especial a eles.


Postagens mais visitadas deste blog

Protocolo de Limpeza Intestinal...

O Protocolo de Limpeza Intestinal, é um manejo nutricional para a Modulação Intestinal e seu objetivo é promover injúria bacteriana. Ou seja, morte das bactérias por falta de nutrientes. A falta de proteína durante os 3 dias iniciais gera injúria nas proteobactérias, que não conseguem se multiplicar, tratando a SIBO e disbiose.  É uma estratégia para equilibrar a microbiota intestinal criada pelo professor Murilo Pereira que colocou um propósito em cada alimento e suplemento incluído, lindo demais! Aprendemos na formação em Modulação Intestinal. Ela promove uma limpeza de intestino delgado e grosso, ao contrário do uso de laxantes por exemplo que limpa apenas o intestino grosso. O manejo nutricional dura 15 dias, sendo os 3 primeiros os mais importantes e com maior restrição. Nestes dias, além da alimentação, a suplementação para Modulação da microbiota vai variar de acordo com cada paciente, se ele tem Resistência á Insulina ou Síndrome do Ovário Policístico, Síndrome

Bom dia!

É gente, o tempo não está correndo, está voando...O FINAL DO ANO ESTÁ CHEGANDO!! Faltam 10 segundas-feiras para darmos bom dia para 2020 e mais que isso, nós vamos virar a década!! Está na hora de começar a fazer planos, revisões, reflexões, mudanças programadas pro próximo ano e por aí vai. Por que você não começa HOJE a se planejar e se preparar? E a fazer mudanças que podem acontecer ainda em 2019? Instalar pequenos hábitos saudáveis na sua rotina ou até mesmo fazer alguma mudança mais importante que estava programada desde o ano passado e ainda não saiu do papel? Então, vamos lá! Aproveite o início da semana para fazer recomeços ou novos começos!

Dia mundial do Diabetes...

O Diabetes é a mais comum das doenças não transmissíveis com elevada prevalência e incidência crescente. Atinge já cerca de 415 milhões de pessoas em todo o mundo. No Brasil, estima-se que em 2040 haja um aumento para 642 milhões de pessoas atingidas pela doença. O número de brasileiros diagnosticados com Diabetes cresceu 61.8% nos últimos 10 anos e atinge atualmente quase 13 milhões de brasileiros. Para conscientizar e lembrar sobre a importância da prevenção da doença, a Organização Mundial da Saúde criou o Dia Mundial da Diabetes, desde 1991. A data, 14 de novembro, foi escolhida por ser o aniversário de Frederick Banting, o médico que juntamente com o seu colega, Charles Best, conduziu as experiências que levaram à descoberta da Insulina em 1921. Hábitos saudáveis de vida e alimentação equilibrada são essenciais no tratamento e prevenção do Diabetes.  A Nutrição promove um controle não apenas glicêmico, mas restabelece o equilíbrio fisiológico, promovendo uma mel